Teatro

KIEV BALLET

KIEV BALLET

Companhia voltou ao Brasil em agosto para homenagear Piotr Ilitch Tchaikovsky, apresentando “A Bela Adormecida” e “Lago dos Cisnes”.

Companhia comemorou 150 anos de existência.

 

O Kiev Ballet, também conhecido como Ballet Nacional da Ucrânia, é uma renomada companhia de balé da cidade de Kiev. Tem como sede e origem o Teatro de Ópera da Ucrânia, inaugurado em 1867, onde iniciou como um pequeno grupo de bailarinos que se apresentavam nas danças folclóricas e balés das óperas locais.

 

No início do século XX, com o crescente intercâmbio com as escolas russas, teve importante impulso com a chegada de bailarinos dos Balés Russos de Paris, que fugiam da 1a Guerra Mundial, quando então começa a diversificar seu repertório e a formar bailarinos de nível internacional.

 

Em 1919, o diretor do Balé da Ópera de Kiev era Mikhail Mordkin, um dos grandes coreógrafos da Europa, que junto com a irmã do famoso bailarino Vatslav Nijinski, Bronislava, fundou a Escola Coreográfica de Kiev, onde foi revelado Serge Lifar, que posteriormente se tornou Diretor do Ballet do Teatro de Ópera de Paris.

 

Em 1950, começam a se apresentar nos principais palcos tanto da Cortina de Ferro como em países como Inglaterra e França, onde em 1960 foram agraciados com a Estrela de Ouro, o maior prêmio da Academia Francesa de Dança.

 

Após a independência da Ucrânia em 1990, o Kiev Ballet estende suas apresentações à América do Norte e Ásia, além de toda a Europa, se consolidando e sendo reconhecido como uma das principais companhias de balé clássico do mundo.

 

Com as mudanças políticas e sociais do fim da união Soviética, a forte estrutura cultural e artística dos ucranianos, lhes permitiu integrar a elite das companhias européias de balé.

 

Em 2017, o Ballet Nacional da Ucrania – Kiev Ballet comemorou seu 150º aniversário,

 

Um notável grupo de jovens bailarinos virá ao Brasil, donde se destacam Irina Surneva,

Kateryna Kozachenko, Viktor Ishchuk, Ruslan Benstianov e um corpo de baile altamente selecionado que executará um programa especial e variado para deleite do público brasileiro, que pela primeira vez na história, receberá em seus palcos este expoente da dança clássica mundial.

 

Os brasileiros poderão apreciar a qualidade artística e perfeição coreográfica com estas suítes: “Carmem” de Georges Bizet; “Chopiniana” da Obra Silfides de Frederic Chopin e um gran finale con “Sherazade” de Nicolai Rimsky-Korsakov.

 

20.08.2017 KIEV BALLET